Visitante!
Faça seu Login ou Registre-se!

Galeria de Jogos

Exibir mensagens

Esta seção lhe permite ver todas as mensagens deste membro. Note que você só pode ver as mensagens das áreas às quais você tem acesso.


Tópicos - King Gerar

Páginas: [1] 2 3 ... 37
1
Outras discussões/Lazer / Homefront de graça no Humble Bundle
« Online: 07 Dez 2017, 21:30 »
Saudações, galera!

O Humble Bundle está disponibilizando gratuitamente o jogo Homefront, de 2011.


Você pode acessar a página da promoção no Humble Bundle clicando aqui. Vale lembrar que a promoção é por tempo limitado, sendo que, no momento desta postagem, restam pouco mais de 42 horas. A promoção dá acesso a uma key para ser ativada na Steam.

2
Outras discussões/Lazer / World in Conflict de graça na Uplay
« Online: 05 Dez 2017, 22:21 »
Saudações, galera!

A Ubisoft está disponibilizando gratuitamente, por meio da Uplay, o jogo World in Conflict: Complete Edition, de 2013.


Você pode acessar a página da promoção na Uplay clicando aqui. Vale lembrar que a promoção é por tempo limitado, até às 8:00 do dia 11 de dezembro de 2017.

3
Saudações, galera!

O Humble Bundle está disponibilizando gratuitamente o jogo The Bureau: XCOM Declassified, de 2013.


Você pode acessar a página da promoção no Humble Bundle clicando aqui. Vale lembrar que a promoção é por tempo limitado, sendo que, no momento desta postagem, restam pouco mais de 45 horas. A promoção dá acesso a uma key para ser ativada na Steam.

4
Comunidade / Jogue na Centro RPG Maker sem ter que baixar nada!
« Online: 24 Nov 2017, 08:48 »
Saudações, nobres, plebeus, crianças, elfos, gnomos e trasgos!

Muitos de vós, creio, já vieram a conhecer o Indiexpo através do embaixador , que está sempre por aqui. Nesse site você pode hospedar seus jogos, para download ou embutidos na página por meio de HTML5, para que outras pessoas possam vir a conhecê-lo e, principalmente, jogá-lo. Como exemplo podemos citar o Vorum, do , e o The Crown Stones: Mirrah, que como podem perceber, não é de RPG Maker ao passo que é um jogo brasileiro com grande potencial vindo por aí, caso desconheçam.

O fato é que, graças à iniciativa do Freank em visar essa ideia e preparar previamente seu site para viabilizá-la, e ao , que disponibilizou tempo e conhecimento para adicionar esta função à comunidade, os jogos hospedados na Indiexpo e jogáveis pelo próprio navegador...

Poderão ser jogados pelo tópico aqui na CRM!  :wow:

Sem download, sem redirecionamento, sem nada! Abaixo podemos conferir (e jogar também agora) o jogo desenvolvido pelo próprio Freank.


Como utilizar esta função?

Inicialmente você deverá se cadastrar no site Indiexpo, é grátis, rápido e simples. Feito isto, você estará apto a enviar seu jogo para o site, e após o envio, seu jogo terá uma página na Indiexpo, como esta por exemplo, do jogo In To The Wild.

Você então irá pegar a URL da página do jogo e colocar dentro da tag indiexpo aqui no fórum, como no exemplo abaixo.

Código: [Selecionar]
[indiexpo]https://www.indiexpo.net/pt/games/in-to-the-wild[/indiexpo]

Vale ressaltar que, ao clicar na aplicação para jogá-la, ela é redimensionada para o modo tela cheia. Há a possibilidade de voltar ao tamanho normal da janela mas, por haverem mais elementos na página que interagem com o mouse e o teclado, algumas funções podem funcionar incorretamente. Portanto, recomendamos que joguem em tela cheia.

:urra:
Move Your Gears

5
Outras discussões/Lazer / Sanctum 2 de graça no Humble Bundle
« Online: 23 Nov 2017, 16:37 »
Saudações, galera!

O Humble Bundle está disponibilizando gratuitamente o jogo Sanctum 2, de 2013.


Você pode acessar a página da promoção no Humble Bundle clicando aqui. Vale lembrar que a promoção é por tempo limitado, sendo que, no momento desta postagem, restam pouco mais de 47 horas. A promoção dá acesso a uma key para ser ativada na Steam.

6
Matérias / Um Jogo Fitness - Reduzindo o Peso de seu Projeto
« Online: 23 Nov 2017, 08:43 »
UM JOGO FITNESS
Reduzindo o Peso de seu Projeto



Em várias situações da vida ficamos atrelados a certos limites, principalmente alguns ligados à profissão, que ajudam a definir o quão bons somos nela. Majoritariamente, modelos, por exemplo, procuram manter-se dentro de um limite de peso, pois extrapolá-lo demasiadamente pode significar o fim de sua carreira. Na mecânica, os profissionais têm de manter seus erros em torno de alguns décimos de milímetros de tolerância, pois, acima disso, terão de realizar o trabalho novamente. E nós, apesar de não sermos profissionais, procuramos manter nossos projetos com o menor peso possível. Se há quem fuja de alguns quilinhos a mais, nós fugimos de alguns bytes a mais.

Por que manter o projeto com o menor peso possível?

Em um tempo onde cada vez mais nos preocupamos com uma qualidade gráfica melhor, músicas cada vez mais refinadas e histórias cada vez mais extensas, pode parecer contraditória a preocupação com que o jogo ainda assim tenha o menor peso possível, afinal, junto com toda essa beleza vem arquivos maiores e isso é inevitável. Porém, não é por essa justificativa que o tamanho total de um projeto deve deixar de ser monitorado.

The Elder Scrolls Online é um perfeito exemplo de jogo grande: belos gráficos com muita variedade, resultantes em mais de 60 Gb


Com o lançamento do RPG Maker MV, em que os recursos padrões deixaram de ser referidos na máquina e passou a ficar na mesma pasta do jogo, os projetos feitos neste programa obviamente ficaram com um tamanho bem maior. E este é um dos pontos citados como negativo por muitos usuários. Mas é tão agravante assim um projeto ter 50 Mb ou 300 Mb? A maioria dos jogos hoje em dia já passam das dezenas de gigabytes e alguém iria se preocupar com alguns megabytes a mais? Pode parecer irrelevante, mas multiplique essa diferença pelo número de jogadores e você, muito provavelmente, terá alguns gigas de download que poderiam ter sido economizados com uma boa gestão dos recursos.

E esta é a proposta desta matéria: dar algumas dicar de como reduzir e gerenciar melhor os recursos de seus projetos a fim de reduzir o tamanho do jogo.

Inicie com o projeto vazio

Ao iniciar um novo projeto, o próprio RPG Maker já se encarrega de colocar todos os recursos na pasta especificada. O fato é que vão para esta pasta também recursos que nunca serão usados. Recorde-se que, nos recursos padrões há músicas para jogos medievais, bem como para jogos futuristas, e usar ambos num mesmo jogo é uma situação que não se encaixa todo dia. Portanto, tire estes primeiros minutos de trabalho no projeto para limpá-lo, mas também tenha cuidado: alguns recursos, principalmente os gráficos do sistema, podem fazer falta na inicialização do jogo. Para removê-los é necessário editar os códigos padrões do jogo.

Para não sofrer com nenhum erro, veja todos objetos que estão prontos no banco de dados: animações, personagens, sons utilizados pelo sistema, etc. Liste os que você for usar e limpe os campos daqueles que você não planejar utilizar. Desta forma, o jogo não sentirá falta caso você remova o recurso que algum objeto utiliza, afinal, você já apagou este objeto.

Vá adicionando à pasta de teu projeto os recursos conforme for precisando deles, e certifique-se de remover algum que você havia colocado mas eventualmente veio a inutilizar.

Reaproveitar imagens

Aqueles que gostam de customizar bastante seus projetos e procuram fugir dos padrões que o programa traz, certamente fazem um uso generoso de imagens, principalmente na interface. O ponto é que, muitas imagens possuem usos em comum, em situações semelhantes também, o que valeria dedicarmos um tempo para pensar na possibilidade de usar a mesma imagem em mais de uma situação.

HUDs são um ótimo exemplo desta ocasião. Muitas vezes, este tipo de interface apresenta as barras de vida, magia e experiência, cuja única diferença visual entre elas é a cor. É comum utilizarmos imagens distintas para estas barrinhas pois podemos colocar efeitos diferentes em cada uma também, mas nos casos em que elas forem uma cor sólida, uma boa ideia é utilizar somente uma imagem e mudar a matiz (ou tonalidade) da imagem pelo RPG Maker. Lembre-se que, ainda que o tamanho delas também seja diferente, o programa também possui o controle da largura da imagem que será exibida.



Em The Elder Scrolls V - Skyrim, alterando a matiz de uma das barras de vida, fôlego ou magia, é possível chegar às demais, mesmo elas não sendo simplesmente cores sólidas.


Outra situação em que comumente podemos aplicar essa economia de imagens são nas mensagens com bustos. O sistema de mensagens padrão do RPG Maker nunca foi alvo de muito agrado dos usuários, então sempre estivemos procurando adicionar novas informações para deixá-lo mais interessante. Um destes acréscimos foram os bustos (ou como chamamos: big face). E para dar mais dinamismo a este sistema, hora o personagem está com o busto do lado esquerdo da tela, hora está do lado direito durante a conversa, e não é nada incomum usar-se uma imagem para cada situação.

A grande maioria dos personagens são simétricos, logo, a imagem de um lado é idêntica à imagem do outro lado, porém, refletida. E esta é outra ocasião em que poderemos usar o RPG Maker para usar menos imagens. A imagem do busto com a largura igual a -100% resulta na imagem invertida horizontalmente. Mas lembre-se que, colocando um valor negativo na largura da imagem, o ponto de origem dela deixa de ser superior-esquerdo e passa a ser superior-direito, se não estiver marcado como centro, claro. Neste caso, a origem não muda.

     
A franquia Fire Emblem apresenta um exemplo de diálogo em que se usa faces de uma mesmo personagem, hora à esquerda da tela, hora à direita, sendo esta a mesma imagem porém refletida horizontalmente quando necessário.


Reescalar imagens quando possível

Em outra situação, hipotética no momento, mas que vivenciamos algumas vezes ao desenvolver é precisar ter a tela completamente preta, como para exibir uma logo ou um texto antes da tela de títulos, por exemplo. Em um jogo com a resolução de 1280 x 720 pixels, seria comum usarmos uma imagem do mesmo tamanho para esta finalidade, certo?

O fato é que podemos usar uma imagem de 1 x 1 pixel e exibir ela com a largura 1280 vezes maior e a largura 720 vezes maior. Porém, o RPG Maker se limita a 2000% da largura, sendo assim, o mínimo que podemos utilizar é uma imagem 20 vezes menor. No caso, com 64 x 36 pixels, que já representam menos da metade do peso.

E esta dica não vale somente para imagens que sejam completamente preenchidas com uma única cor não. Degradês, efeitos de iluminação e fundos de scenes são ótimas circunstâncias para ver a viabilidade também. Mas claro, nem sempre vai dar para usar uma imagem vinte vezes menor, entretanto, qualquer economia no peso já é uma vantagem.

Comprima as imagens

Imagens são, assim como todos tipos de arquivos, nada mais, nada menos, do que conglomerados de informações que um editor de imagens cria em um formato universal e que ele possa ser lido novamente depois. Essas informações são, majoritariamente, relacionadas aos pixels que as compõem. Por exemplo, uma imagem de 544 pixels x 416 pixels é composta por 226304 pixels. Um número de respeito, não é?

Entretanto, raramente cada pixel deste representa uma informação única. Muitas vezes, as cores de um pixel são as mesmas que em tantos outros de uma imagem. Por exemplo, imagine uma imagem completamente preenchida de preto. Todos os pixels ali contêm a mesma informação de cor e o programa que editou esta imagem se certifica que esta informação de cada pixel será armazenada quando a imagem for salva. E se você entende de programação sabe que, se precisamos ter um mesmo valor várias vezes, usamos referências.
Código: (Sem Referência) [Selecionar]
Pixel 1 = { x: 0, y: 0, cor: #000000 };
Pixel 2 = { x: 1, y: 0, cor: #000000 };
Pixel 3 = { x: 2, y: 0, cor: #000000 };
Pixel 4 = { x: 3, y: 0, cor: #000000 };
Pixel 5 = { x: 4, y: 0, cor: #000000 };
...
Código: (Com Referência) [Selecionar]
Pixel 1 = { x: 0, y: 0, cor: #000000 };
corA = #000000;
Pixel 2 = { x: 1, y: 0, cor: corA };
Pixel 3 = { x: 2, y: 0, cor: corA };
Pixel 4 = { x: 3, y: 0, cor: corA };
Pixel 5 = { x: 4, y: 0, cor: corA };
...

É isso que um compressor de imagens faz. Uma vez que uma cor for encontrada em um pixel pela primeira vez, ela será armazenada em uma variável. Os próximos pixels que tiverem esta mesma cor, terão armazenada a variável ao invés da informação da cor novamente, e isso reduz as informações de uma imagem. Como a imagem é um conglomerado de informações, isto reduz seu peso consequentemente. Abaixo há um vídeo da Tecmundo que explica isto com uma forma de entendimento mais clara:


Então, a dica é sempre utilizar um compressor de imagens para comprimir as imagens de teu projeto. O formato que mais usamos em nossos jogos é PNG, e para este recomendo o CompressPNG.com, que é o que utilizo e consigo resultados bastante satisfatórios. Existe muitos outros que podem executar essa função por meio de um algoritmo diferente, e obter resultados melhores ou piores. Se tiver a curiosidade, vale a pena procurar.

Mas atenção: mantenha um backup da imagem sem compressão, pois, na redução de informações pode ocorrer de alguma informação utilizada pelo editor de imagens que você usa ser perdida e a imagem retornar erro ao tentar editá-la. E não queremos perder aquela logo que demoramos horas para ajeitar, não é mesmo?

Valores do tamanho de uma imagem antes e depois de sua compressão respectivamente, demonstrando uma redução de mais de 60%.


Verifique o melhor formato de áudio

Arquivos de áudio sempre foram as guloseimas dos projetos, estrelando em lendários jogos que beiravam, ou às vezes até passavam de gigabytes. Certamente, muito desse peso deve-se ao conter muitos arquivos inutilizados que permanecem ali, todavia esta não é a total razão deste mal.

O RPG Maker MV trabalha nativamente com dois formatos de áudio: M4A e OGG. Ao criar um novo projeto, cada música é transferida em ambos formatos para as pastas de áudio, e a pergunta é se são necessários esses dois formatos. A resposta é, na maioria dos casos, não. Se seu jogo irá ser executado somente em sistemas operacionais Windows e Mac, você deve manter somente arquivos em OGG. Se seu alvo são os dispositivos móveis também, aí sim, deve-se manter os arquivos em M4A.

Já nos programas anteriores (ao menos do XP em diante) são aceitos os formatos OGG, WMA, MP3, WAV e MID. Seria um paraíso caso o formato MID fosse tão utilizado quanto MP3, pois ele é extremamente mais leve do que os demais. Todavia, há bastante tempo que este formato não é utilizado em recursos novos. Em sequência vêm OGG e WMA, que resultam em tamanhos próximos, mas o próprio programa recomenda que seja utilizado o primeiro em todas ocasiões. O formato WAV resulta em arquivos muito grandes quando se tratando de sons longos, porém, para efeitos sonoros é geralmente viável. Por último, o menos recomendado mas mais utilizado, MP3. Por ser o formato de maior conhecimento de leigos e por a maioria das músicas encontradas virem nele, muitos somente jogam o arquivo na pasta, pouco se importando sobre o quão pesado é em relação aos primeiros formatos.

Vale a pena converter alguns arquivos e verificar seus tamanhos em cada formato, para ver qual possui a melhor relação qualidade-peso em sua opinião. Pra isto, utilize conversores de mídia, como o Format Factory.

Opção de excluir arquivos não utilizados

Uma das novas funções que o RPG Maker MV trouxe é a opção de excluir arquivos não utilizados ao criar um pacote de distribuição do jogo. Esta opção, quando selecionada, exclui do executável gerado arquivos que não foram referenciados através de eventos, do sistema e do banco de dados. É uma excelente função para quem não utiliza plugins adicionais que fazem uso de imagens ou arquivos sonoros.

Em contrapartida, se seu projeto usa plugins que requerem imagens ou arquivos de áudio, esta opção não irá saber e entenderá estes arquivos como inutilizados, excluindo-os. Portanto, na necessidade de executar essa verificação de quais arquivos estão sendo usados e quais não estão, o faça manualmente, ou de preferência, como foi citado no início, inicie com o projeto vazio e faça essa moderação constantemente.

Concluindo

As maneiras de reduzir o tamanho final do seu projeto são muitas, algumas delas citadas aqui e outras você irá descobrir ao longo do desenvolvimento. Muitas peculiaridades de cada projeto permitem uma gerencia melhor de seus recursos e seu aprendizado como desenvolvedor passa por aprender a identificar essas situações. Há casos, porém, em que realmente não haverá como economizar, teremos mesmo que abusar um pouco mais do espaço no disco rígido do jogador, mas onde essa economia for viável, é fundamental que façamos uso dela.

Para adiantar um pouco teu lado e aplicar o que vimos por aqui, o Corvo disponibilizou templates vazios de projetos nos principais programas que utilizamos. Tu pode salvar aí para que, sempre que iniciar um novo projeto, já tenha em mãos um completamente limpo e pronto para receber suas ideias ao passo que já põe em prática a boa gerencia de recursos. Você pode baixar esses templates clicando aqui.

E você? Tem alguma prática para deixar o projeto mais leve? Costuma pensar nisso enquanto desenvolve? Acha que essa preocupação com o peso do projeto é supérflua? Comente aí suas opiniões!

Até a próxima!


7
Saudações, galera!

Algum de vocês conhece algum ser denominado como Drew Scanlon? Este é um californiano graduado pela Universidade da Califórnia em Los Angeles e com bacharelado em Design e Mídia de Artes. Sua carreira passa pela Adobe, Eletronic Arts, Motion Theory e Giant Bomb, sendo este último um dos maiores sites de conteúdo gamer no mundo e o lugar em que Scanlon veio a ser conhecido como é atualmente. Em março de 2017 ele saiu do Giant Bomb para dar início ao seu novo projeto: Cloth Map, cuja missão seria viajar pelo mundo colhendo as peculiaridades de cada país e como as pessoas dele se relacionam com os jogos. O primeiro destino foi a Ucrânia.

E qual país possui o mercado mais ininteligível de games, prato cheio para atiçar a curiosidade de um documentário assim? Sim, meus amigos, o Brasil!

Há um ano eu trouxe a vocês a série Paralelos, que narrava como o mercado de jogos veio a se formar aqui no Brasil. Um papo que mesclava figuras conhecidas, como Flávia Gasi e Emicida, com anônimos do público mas muito importantes para a consolidação deste cenário por aqui, como Stefano Arnold, presidente da Tectoy, e Marcos Santos, engenheiro da Gradiente. Se você não viu, vale a pena dar uma conferida clicando aqui. São três vídeos bem curtinhos e em português mesmo.

Voltando ao projeto Cloth Map, nessa passagem pelo Brasil serão feitos quatro vídeo-documentários abordando também o início desse mercado; como as empresas conseguiam distribuir legalmente versões modificadas de consoles estrangeiros e como a partir daí surgiram inúmeras cópias; como e porque tivemos versões modificadas de jogos, e; principalmente, como esta área se desenvolveu e formou grandes comércios, que hoje comercializam consoles de última geração ao passo que o cenário desenvolvedor de jogos busca sua valorização.

O primeiro destes vídeos já pode ser assistido aí embaixo e mostra Scanlon no mercado da Santa Ifigênia, um cerne do cenário atual. Junto a ele estão André Campos e Rafael Quina, do Jogabilidade, e também Gus Lanzetta, escritor e jornalista que participa do Papo Torto.


Noticiarei aqui quando sair o próximo vídeo, principalmente porque, aparentemente, abordará o cenário desenvolvedor.

8
Outras discussões/Lazer / MDK de graça na GOG.com
« Online: 21 Nov 2017, 17:37 »
Saudações, galera!

A GOG.com está disponibilizando gratuitamente o jogo MDK, de 1997.


Você pode acessar a página da promoção na GOG.com clicando aqui. Vale lembrar que a promoção é por tempo limitado, sendo que, no momento desta postagem, restam pouco mais de 42 horas.

9
Saudações, galera!

O Humble Bundle está disponibilizando gratuitamente o jogo Brutal Legend, de 2013.


Você pode acessar a página da promoção no Humble Bundle clicando aqui. Vale lembrar que a promoção é por tempo limitado, sendo que, no momento desta postagem, restam pouco mais de 44 horas. A promoção dá acesso a uma key para ser ativada na Steam.

10
Saudações, galera!

A Eletronic Arts, por meio da Origin, está disponibilizando gratuitamente o jogo Plants vs. Zombies Edição Game of the Year, de 2012.


Você pode acessar a página da promoção na Origin clicando aqui. Vale lembrar que a promoção é por tempo indeterminado. A promoção dá acesso a uma versão digital do jogo em sua biblioteca da Origin.

11
Saudações, galera!

O Humble Bundle está disponibilizando gratuitamente o jogo Killer is Dead, de 2014.


Você pode acessar a página da promoção no Humble Bundle clicando aqui. Vale lembrar que a promoção é por tempo limitado, sendo que, no momento desta postagem, restam pouco mais de 47 horas. A promoção dá acesso a uma key para ser ativada na Steam.

12
Outras discussões/Lazer / Syberia de graça na GOG.com
« Online: 09 Nov 2017, 16:34 »
Saudações, galera!

A GOG.com está disponibilizando gratuitamente o jogo Syberia, de 2002.


Você pode acessar a página da promoção na GOG.com clicando aqui. Vale lembrar que a promoção é por tempo limitado, sendo que, no momento desta postagem, restam pouco mais de 47 horas.

13
Outras discussões/Lazer / Watch_Dogs de graça pela Uplay
« Online: 06 Nov 2017, 22:03 »
Saudações, galera!

Venho avisar-vos que a Ubisoft, essa empresa linda e cheirosa, estará disponibilizando gratuitamente o jogo Watch_Dogs, de 2014, para a plataforma PC, das 14:00 h do dia 7 de novembro de 2017 às 14:00 h do dia 13 de novembro de 2017.


Você pode acessar a página da promoção clicando aqui. Você pode garantir sua cópia do jogo através da internet, mas para desfrutar do jogo você terá que possuir o aplicativo da Uplay (loja da Ubisoft) instalado em sua máquina, que é por onde realizará o download do jogo.

Quem quiser tentar desde já, eu já consegui aqui, mesmo estando antes do prazo.

14
Comunidade / Fique atento às Regras do Chat!
« Online: 04 Nov 2017, 08:22 »
Saudações, galera!

Já faz um tempo que o Chat fora implantado aqui na comunidade. Por muito tempo foi uma função bastante e recorrentemente requisitada, que acreditávamos não ter muito a agregar em conteúdo aqui e por termos tido experiências não muito satisfatórias com esta ferramenta em tempos passados. Felizmente, nosso saldo até então é positivo. Apesar de não ser utilizado pela maioria dos membros, os que desfrutam do Chat aparentam agradar dos benefícios, principalmente em comunicação, que ele traz.

Todavia, para que o Chat possa ser igualmente acessível e benéfico a todos, sem que, desta forma, precise lesar nossa comunidade e, principalmente, o suporte que buscamos providenciar aos usuários de RPG Maker e outros programas de desenvolvimento de jogos, faz-se necessário o estabelecimento de algumas regras específicas. Tais regras também estão presentes no tópico principal das Regras Gerais e doravante o dia de hoje, 03 de novembro de 2017, transgressões à estas regras são passíveis de punição tanto quanto demais delitos no fórum, em igual caráter de importância, inclusive, passível de banimento. Seguem abaixo:

( ಠ◡ಠ )
1 - Fica permitido:

  • A explicação de qualquer função do RPG Maker;
  • Dúvidas sobre outros softwares de desenvolvimento de jogos;
  • Dúvidas sobre tamanhos de recursos; dúvidas sobre a existência de recursos (como por exemplo "existe um código que implante um sistema de dia e noite?", "há algum lugar com tiles de floresta?");
  • Dúvidas sobre estrutura de linguagens de programação quando não envolverem códigos de terceiros. Por exemplo, o membro A pode tirar dúvidas com o membro B, desde que o código pertença a A ou B. Porém, se essas dúvidas forem constantes, procure abrir um tópico na área de Programação no caso do desenvolvimento de um código, ou na área de Suporte para Scripts e Plugins no caso do uso de um código.
  • Caso você esteja com problemas em um recurso desenvolvido por um membro presente neste comunidade e este recurso não tenha um tópico, é permitido pedir ajuda ao criador pelo Chat, porém, dê preferência a utilizarem mensagens pessoais ou uma rede social se for algo demorado. Isto pois entendemos que é pouco ineficaz criar-se um tópico requisitando ajuda de uma pessoa em específico.
  • É permitido pedir por sugestões sobre ideias, artes ou sistemas  e referências para trabalhos visuais, como mapas, pixel artes e interfaces. Porém, não é permitido pedir por avaliação.

2 - É proibido requisitar suporte relacionado a qualquer problema oriundo do RPG Maker, dentre eles: modificação, solução e/ou correção de erros provenientes de códigos (scripts e plugins); verificação e identificação de problemas e disfunções em programações por eventos; pedido de confecção ou modificação de recursos (gráficos, sonoros, sistemas e códigos).

3 - É proibido requisitar avaliação.

4 - É proibido envio de mensagens caracterizadas como spam, tais como:

  • Mensagens extensas composta pela repetição e ocasional alternância de um ou mais caracteres. Ex.: "huehuehuehuehuehuehueheuheu[...]hue" ou "kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk[...]kkk". Em casos em que mensagens similares façam-se necessárias, limite-se a uma quantidade pequena de caracteres.
  • Mensagens compostas por uma quantidade grande de emoticons ou qualquer outra mídia visual (tais como imagens e vídeos). Ex.:  :XD: :XD: :XD: :XD: :XD: . Em casos em que mensagens similares façam-se necessárias, limite-se a um emoticon (ou mídia visual) somente.
  • Mensagens referentes a onomatopeias de forma repetitiva e exaustiva, quando sem qualquer nexo com o assunto em discussão no chat. Ex.: "fon", "hue", "rs", "birl".
  • Múltiplas mensagens consecutivas com tamanho e contexto ínfimo. Em casos em que mensagens similares façam-se necessárias, prefira digitar todo o conteúdo e enviar em uma única mensagem.

5 - É proibido o insistente envio de convites ou divulgação de vagas para equipes sem alvo definido, se estas forem destinadas a criação de jogos. Caso deseje perguntar a um membro em específico, é permitido, porém, após a resposta, é fundamental que esse convite através do Chat cesse.

6 - Assim como em todo restante do fórum, as regras gerais também aplicam-se ao Chat.

Por fim, temos ciência de que, quando postamos algum problema, queremos que este seja resolvido o mais rápido possível e o Chat permite essa solução com mais agilidade e sem o trabalho de ter que criar um tópico. Entretanto, o Chat é um só, o que torna impossível resolvermos as dificuldades que todos temos através dele.

Outro ponto é que, o que mantém nossa comunidade susceptível à chegada de novos membros são os tópicos. São os tópicos que contém palavras chave que serão encontradas quando um novo membro pesquisar no Google. São os tópicos que armazenarão a solução para resolver este ou aquele problema, mesmo quando não estivermos mais aqui. São os tópicos que constituem a parte mais importante do nosso patrimônio: o conhecimento, e se não cuidarmos para sua manutenção, pode ser que um dia não tenhamos onde recorrer. O fim da Mundo RPG Maker representou uma perda incomensurável para nós não por ser só um nome grande que desapareceu, mas por ter sido o maior acervo de tópicos, e com isto, conhecimento, que um dia já tivemos.

Vale ressaltar que todas as regras podem ser modificadas conforme necessidade e sem aviso prévio, portanto cheque-as sempre que tiver alguma dúvida relacionada.


Move Your Gears

15
Batalha de Pixels / Desafiante Corvo vs Desafiado Alisson!
« Online: 29 Out 2017, 09:17 »



» APRESENTAÇÃO

Bem-vindo ao Colosseum! O duelo está marcado para o dia 10/11/2017, onde vocês presenciarão um grande duelo entre os membros Corvo e Alisson!


» DETALHES DO COMBATE

O Desafio


Objetivo: Pixelar uma arte com tamanho entre 24px x 24px e 48px x 48px.
Prazo de Entrega: 10/11/2017
Premiação: 15 ouros ao vencedor e 10 ouros ao perdedor
Equipamentos: Não.
Observações:
- Não pode ser uma arte animada.
- O limite de cores é 4 cores + transparente.

Páginas: [1] 2 3 ... 37
Versão Mobile